Você está aqui
Home > Futebol > Frente Alvinegra lança manifesto e quer colocar sócio-torcedor com direito a voto

Frente Alvinegra lança manifesto e quer colocar sócio-torcedor com direito a voto

O grupo Frente Alvinegra liderado pelo ex-candidato a presidente do Botafogo, Vinícius Assumpção, lançou esta semana um manifesto criticando o atual cenário do clube, o que classificou de “devastador”. O documento afirma que o clube vem perdendo sua importância histórica nos cenários nacional e internacional e prega a democracia, profissionalismo, ética e transparência para reerguer o clube.

Sócios-torcedores poderão ter direito a voto
Sócios-torcedores poderão ter direito a voto

“O Botafogo sempre foi um clube de ponta em todos os esportes que disputa, mas nos últimos 40 anos foi perdendo espaço no cenário esportivo e, sem ter uma grande sequência de importantes conquistas, deixou de aumentar o seu maior patrimônio: a sua torcida!”, diz a nota.

Uma das bandeiras das 66 pessoas que assinam o manifesto é implementar o sócio-torcedor com direito a voto e, assim, trazer a torcida para dentro do clube. “Estamos nos referindo a todos que podem, de alguma forma, somar forças e colaborar para um novo e promissor futuro. Assim permitiremos que milhares de alvinegros possam ter a oportunidade de decidir os destinos da sua maior paixão”, consta na nota.

A nota diz ainda que “com esta proposta, estaríamos melhorando a democracia interna e oxigenando a política do clube com novas ideias e dirigentes, além de incentivar o aumento da arrecadação do programa Sócio Torcedor e do Sócio Proprietário”.

Vinícius lembrou ainda que o Fluminense conquistou 31 mil sócios-torcedores porque os incluiu com direito a voto. Ele afirma que, atualmente, o Botafogo, possui 2,3 mil sócios com direito a voto e que na última eleição apenas 1,2 mil votaram.

“Nós temos hoje no cadastro 13 mil sócios, entretanto apenas sete mil sócios-torcedores pagantes. Temos que dar voz a essas pessoas. O atual presidente foi eleito com pouco mais de 400 votos. Isto é um absurdo para a grandeza de um clube centenário como o Botafogo. Entre os doze maiores clubes do Brasil, o Alvinegro é o mais fechado”, explica Vinícius.

A assessoria de imprensa do Botafogo informou que a atual gestão não vai se manifestar sobre o documento e declarou ainda que foi criada no fim do ano passado uma comissão que está estudando a alteração do estatuto para que os sócios-torcedores tenham direito a voto.

Ranking de 2016

  1. Corinthians: 132.481 sócios
  2. Palmeiras: 126.903 sócios
  3. Inter-RS: 112.756 sócios
  4. Grêmio: 90.273 sócios
  5. São Paulo: 82.823 sócios
  6. Cruzeiro: 74.005 sócios
  7. Santos: 62.472 sócios
  8. Flamengo: 61.034 sócios
  9. Atlético-MG: 48.025 sócios
  10. Sport: 42.034 sócios
  11. Fluminense: 31.849 sócios
  12. Bahia: 24.486 sócios
  13. Ponte Preta: 18.180 sócios
  14. Vasco: 17.466 sócios
  15. Ceará: 16.358 sócios
  16. Remo: 15.408 sócios
  17. Botafogo: 13.521 sócios
  18. Joinville: 12.700 sócios
  19. Fortaleza: 10.425 sócios
  20. Vitória: 10.370 sócios

*Fonte: Redação Sportv

Confira aqui o manifesto na íntegra

 

Deixe uma resposta

Top