Você está aqui
Home > Futebol > Flamengo segue quebrando recordes em busca dos títulos

Flamengo segue quebrando recordes em busca dos títulos

Faltando oito rodadas para o fim do Brasileirão 2019, o Flamengo se mantém na ponta e caminhando a passos largos para a conquista do hepta. Classificado também para a final da Libertadores após 38 anos, o rubro-negro pede o mundo de novo e enquanto o sonho não vira realidade, a equipe de Jorge Jesus segue quebrando recordes e arrastando multidões.

Com a vitória deste domingo diante do Corinthians por 4 a 1, o time da Gávea chegou a 17 jogos de invencibilidade no torneio nacional e igualou a marca histórica do time de 1980. Na ocasião, Zico e cia conquistaram o 1˚ Brasileiro e atingiram a marca depois de 11 vitórias e 6 empates. O time de Jorge Jesus chega aos 17 jogos de invencibilidade com expressivas 15 vitórias e dois empates.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Será difícil superar aquele timaço, que marcou época não somente pelos títulos mas por ser uma verdadeira constelação de craques e ídolos, mas em números, o Flamengo de 2019 vem dando o que falar. Além do futebol mais vistoso do Brasil, desde a chegada do português Jorge Jesus, os recordes e tabus vem sendo derrubados rodada após rodada.

Já na rodada 26, diante do Fortaleza, o Flamengo chegou a sequência de 7 vitórias consecutivas jogando fora de casa, a 2ª maior sequência da história do Campeonato Brasileiro e a maior da era de pontos corridos.

Outro feito conquistado neste domingo foi a marca de 22 vitórias em 30 rodadas disputadas, seu novo recorde em uma edição de Brasileirão, superando as 21 conquistadas em 2018 (em 38 jogos), quando terminou na 2ª colocação. No atual formato de disputa, com 20 clubes e pontos corridos, realizado desde 2006, o maior número de vitórias alcançado até hoje é de 24. O recorde pertence ao Cruzeiro de 2014, Corinthians de 2015 e Palmeiras de 2016, todos campeões nestes anos. Faltando ainda 8 rodadas e jogando como vem jogando, o Flamengo pode quebrar mais este recorde.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Para chegar a todos esses números, o Flamengo tem uma dupla de ataque letal. Gabriel Barbosa e Bruno Henrique somam 35 gols, número maior que o de 12 times que disputam a série A. Na briga pela artilharia, Gabigol com 20 gols lidera a fila, seguido por Bruno Henrique com 15. Com o melhor ataque da competição com 64 gols, 12 a mais que o Grêmio, seu artilheiro está a um gol da marca de Zico em 1982 (21 gols). Depois de 37 anos o Flamengo deve ter um artilheiro isolado do campeonato. Com o gol marcado contra o Goiás, o camisa 9 chegou aos 36 na temporada e se igualou a Hernane Brocador como o jogador rubro-negro com mais gols em uma temporada neste século.

Com todo esse futebol dentro de campo e uma verdadeira Nação de apaixonados, o Flamengo também bate recordes nas arquibancadas. Com média de 51.770 torcedores pagantes, o Flamengo vendeu 1.656.652 ingressos em 32 partidas como mandante. A arrecadação com bilheteria chega a casa de 80 milhões de reais na temporada e o recorde de público foi batido no jogo contra o CSA, 65.649 pagantes e 69.846 presentes.

O torcedor rubro-negro não para de comemorar e se deliciar com todos esses feitos mas o foco mesmo são os títulos, que apesar de próximos, ainda não foram conquistados. Portanto, na cautela, todos seguem juntos em busca dos maiores objetivos.

Deixe uma resposta

Top