Você está aqui
Home > Futebol > Final de casa nova: conheça o Monumental de Lima, palco da grande decisão da Libertadores 2019

Final de casa nova: conheça o Monumental de Lima, palco da grande decisão da Libertadores 2019

Estádio Monumental, Lima, Peru. (Imagem: Reprodução)

Desde o anúncio de mudança da cidade que vai receber a final da Libertadores, só se fala dos prejuízos financeiros sentidos pelos milhares de torcedores que estavam planejando a ida a Santiago, no Chile. Sem dúvidas, a troca vem causando muita dor de cabeça, mas por motivos de segurança e respeito aos chilenos, foi-se necessária – diria até que tardia, mas foi. 

Pela segunda vez, os “hinchas” do River Plate são testados no quesito “cardíaco” quando se fala de final de Libertadores – ano passado, depois de muita confusão entre as torcidas de Boca x River, a final do mesmo torneio foi transferida para Madri, lá no Velho Continente. Sendo bastante otimista e tentando tirar algo de bom nesse tumulto todo, chegamos ao estádio Monumental de Lima, o “U”, que conta com uma capacidade superior que o Nacional do Chile e, com isso, vai possibilitar a participação de mais torcedores nessa final emblemática.

Inaugurado em meados dos anos 2000, o estádio Monumental do Universitario de Deportes comporta 80 mil torcedores – 33 mil a mais que no Chile. Ele basicamente se divide em duas partes: arquibancadas, com cerca de 60 mil lugares e mais 1250 “camarotes” que cabem cerca de 20 mil. Aconteceu nele a abertura do maior Pan-Americano da história, disputado em Lima, entre julho e agosto deste ano.

Ao chegar para a tão sonhada festa, no próximo dia 23, os torcedores vão encontrar de cara um pouco de história e um dos maiores ídolos do futebol peruano. Homenageado com uma estátua na porta do “U’, Lolo Fernánddez é lembrado porque levou o Peru às quartas de final do torneio de futebol dos Jogos Olímpicos de 1936, em Berlim, na Alemanha e conquistou a Copa América em 1939. 

O maior da América do Sul é também utilizado pela seleção peruana em amistosos e outros jogos. A Brasileira já pisou por lá duas vezes, em 2003 e 2007, durante eliminatórias das Copas de 2006 e 2010 – ambas as partidas terminaram com empate. Pela primeira vez, ele receberá uma final de campeonato internacional.

O palco da final da Libertadores, assim como muitos estádios pelo mundo, já recebeu diversos artistas internacionais como Britney Spears, Beyoncé, Miley Cyrus, Maroom 5, entre outros. Lendas do rock como Paul Mc Cartney, Guns and Roses, Roger Waters e Rolling Stones também já estivera por lá – tem até torcedor com medo de um possível retorno do Mick Jagger dia 23. Por essas e outras, o “U” foi eleito como um dos 100 melhores estádios do mundo, pela revista inglesa “FourTwo”. 

E não há o que preocupar com relação à altitude. Seucampo fica a 18 metros abaixo do nível do solo, a altitude é de 355m, portanto não influi no jogo, na bola nem no desempenho dos atletas. Além de ter os padrões da FIFA para a realização das partidas da Copa do Mundo. 

O Monumental de Lima, no dia 23, vai mais uma vez entrar para a História. Dois gigantes do futebol sul-americano disputando uma das taças mais cobiçadas do mundo. Serão milhões de espectadores em todo o mundo com as atenções voltadas para Lima, terra do ceviche e das llamas. A bola vai rolar às 17h, horário de Brasília. Até lá, muita ansiedade e preparo para o sábado mais esperado do ano – pra muitos, de toda a vida.

Deixe uma resposta

Top