Você está aqui
Home > Campeonato Brasileiro > E surge uma onda de esperança

E surge uma onda de esperança

Tudo bem que o Campeonato Brasileiro está só começando e que muito ainda está por vir. Mas depois de um início ruim para os cariocas, a 3ª rodada traz aquele frescor de esperança para animar os torcedores que sofrem com a distância dos estádios.

Arrascaeta recebe abraço carinhoso de Dome após o gol. (Foto: Vinicius do Prado/Agência F8/Folhapress)

O Flamengo, atual campeão, que desfilou aquele belo futebol em 2019 e viu seu técnico ir embora, nas duas primeiras rodadas parecia ver também seu bom futebol ter ficado em algum lugar do passado. O novo treinador, o catalão Domenéc Torrent, chegou de mansinho, falando em mudanças graduais, mas conseguiu bagunçar a casa no segundo jogo, enchendo de dúvidas o empolgado torcedor rubro-negro.

A dupla de atacantes mais efetiva das Américas segue claudicante, mas, pelo menos, diante do Coritiba, o que se viu foi um Flamengo à moda antiga, dominando o adversário e tendo fartas chances de gols. Domenéc parece ter ouvido os jogadores, observado que Arrascaeta não pode sentar no banco e que suas idéias terão que entrar em campo pouco a pouco. O Flamengo desencantou e garantiu os primeiros 3 pontos. Tem pela frente agora o Grêmio, que vem mordido depois de um 2019 que nem precisa ser relembrado.

Germán Cano marcou os dois gols na vitória do Vasco. (Foto: Rafael Ribeiro / Vasco – LANCE!)

Já o Vasco, que folgou na 1ª rodada, é o melhor dos cariocas na tabela. Com 100% de aproveitamento (duas vitórias em São Januário), o Vasco enche seu torcedor de esperanças por um ano onde brigue na parte superior da tabela. O que não faltam são recordações destes momentos e o time da colina trouxe Ramon, conhecedor da fase áurea do futebol cruzmaltino. O uniforme também faz lembrar aqueles tempos e Germán Cano, com seu faro de gol, aquece ainda mais o caldeirão vascaíno. Na vice liderança do Brasileirão, o Vasco tem um jogo a menos e pega o Ceará na próxima rodada.

Nenê marcou os dois gols da vitória do Flu.
(Foto: Divulgação/Fluminense)

A rodada trouxe também a 1ª vitória do Fluminense. O tricolor das Laranjeiras teve três confrontos fortes nas primeiras rodadas. Foi a Porto Alegre na primeira enfrentar o Grêmio com esperança de repetir o feito de 2019, quando arrancou uma virada histórica. Mas saiu de lá com a derrota e no Maracanã, diante do Palmeiras de Luxemburgo, ficou no empate. A torcida já se mostrava impaciente com as idéias defensivas de Odair Hellman, mas enfim, o Flu desencantou e a virada veio em cima do Internacional que ainda não tinha provado o sabor da derrota.

Kalou posa com camisa do Botafogo em apresentação virtual. (Foto: Divulgação/Botafogo)

De todos os cariocas, o único que segue sem vencer é o Botafogo. Ausente também na 1ª rodada, o Botafogo soma dois empates e é o pior carioca na tabela, ocupando a 14ª posição. Se por um lado os resultados dentro de campo não animam, fora dele a expectativa com a chegada de Salomon Kalou só aumenta e renova as esperanças do glorioso.

Que essa onda de esperança e confiança dos cariocas só cresça. Seguimos acompanhando de perto os times do Rio na disputa do Brasileirão e convidamos vocês para acompanharem as transmissões mais charmosas do rádio brasileiro na Rádio Ferj 2.

Deixe uma resposta

Top